Corrosão e oxidação – Defeitos intrigantes

Os problemas causados devido a oxidação e corrosão no sistema de arrefecimento vão além dos entupimentos e falhas no acionamento da válvula termostática e tampa do reservatório de expansão. Problemas que parecem ser originados no sistema de injeção, ignição ou de escapamento podem na verdade ser causados por problemas no sistema de arrefecimento.

Como exemplo, podemos citar um veículo que apresenta falhas em acelerações, além de perda de potência e queimas constantes da sonda lambda. Este problema pode ter como origem oxidação no sistema de arrefecimento que atingiu o sensor de temperatura, causando erros no sinal emitido. Se o sensor interpretar um valor de temperatura abaixo do real, o sistema irá enriquecer a mistura, fazendo com que combustível não queimado chegue a sonda lambda.
Este mesmo fenômeno pode levar a obstrução parcial do catalisador, que seria percebida pelo condutor do veículo como aumento de consumo e perda de desempenho.

Fonte: Jornal Oficina Brasil

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.